About Me

Minha foto
@CarolHickmann
"E aqueles que foram vistos dançando foram julgados insanos por aqueles que não podiam escutar a música." F. Nietzsche
Visualizar meu perfil completo

Todos os Textos

Carolina Hickmann. Tecnologia do Blogger.
terça-feira, 2 de agosto de 2011
Comecei a ler o livro de Martha Medeiros, Feliz por Nada. Claro que esperava uma certa identificação, leitura prazerosa e diversão, mas o que encontrei no primeiro conto, mais precisamente desde a primeira linha, foi espantoso.
"Onde é que você gostaria de estar agora, neste exato momento?" indagou-me o livro. Logo pensei: O lugar pouco importa, eu queria mesmo era estar abraçada com o Lourenço, meu namorado.
Geralmente é onde eu quero estar, me sinto segura, quase salva. Esqueço de tudo. Aliás, não esqueço de nada! Mas parece que as coisas ruins perdem importância e as boas se acentuam. Com este friozinho, então, virou desejo constante. Um abraço, só um abraço.
Logo após descrições de lugares maravilhosos e de lugares ruins também, a escritora palpita dizendo que o melhor lugar para se estar é dentro de um abraço, e logo mais fala que é difícil competir com o abraço da pessoa amada. Nada compete, pelo menos não com o do meu namorado.
E, mesmo estando na quadragésima quinta página, poucos livros competem com este.

2 comentários:

Lourenço disse...

amor de menina. tu sabe que quero estar sempre dentro do teu abraço, do teu colo e do teu carinho. te amo muito. lindo texto. beijo!

H A R R Y G O A Z disse...

Have a SUPER weekend !

Seguidores

Visualizações